fbpx

Aplicativo de viagem: como se destacar mesmo com a “concorrência” do Google

Postado em 25 de setembro de 2019.

Sem tempo para ler o artigo inteiro? Aperte o play e ouça a versão em áudio.

Se você trabalha com um aplicativo de viagem ou planeja entrar no segmento de hotelaria e turismo, uma das nossas dicas é estar sempre de olho nas novidades feitas pelo principal buscador do mundo: o Google.

Recentemente a empresa anunciou o lançamento da função Travel, ou até mesmo um update ao que conhecíamos como “Google Trips” e que foi descontinuado em agosto deste ano.

De maneira resumida, o novo recurso consiste na compra de passagens aéreas e reservas de hospedagem diretamente pelo buscador. Ou seja, o usuário pode se poupar de entrar no site da empresa ou até mesmo ter instalado algum aplicativo de viagem.

Antes, entenda como atua o Google Travel

Você pode estar pensando “como vou vencer a concorrência do Google”? Sim, sabemos, essa seria uma tarefa bem complicada. Mas, antes de ter essa preocupação em mente, entenda o funcionamento da novidade e como ela pode influenciar nas suas estratégias.

Como comentamos, agora, ao pesquisar um destino, a pessoa encontra, além de informações gerais, valores de passagens, hospedagens e afins com a possibilidade de comprar direto no buscador.

Mas o recurso vai além: ele usa a sua localização de destino como base para oferecer os hotéis mais baratos e mais próximos de pontos turísticos ou atrações que possam interessar o turista.

A sugestão de hospedagem também tem seu diferencial. Ela é feita de acordo com a experiência que a pessoa teve com a franquia anteriormente. Essa função está diretamente ligada com o Maps, pois o cliente, ao pesquisar pontos turísticos e demais localidades, encontra sugestões apontadas pelo app.

Mas o que pode ser feito para manter seu app de hospedagem em alta? Como usar a novidade do Google ao seu favor e aparecer em destaque nas recomendações do Travel para comprar passagens, por exemplo? Confira algumas sugestões para oferecer diferenciais no app.

Faça promoções

Quanto mais funções gratuitas seu app tiver, mais atrativo será. A estratégia pode ser uma boa ideia para atrair curiosos e, possivelmente convencê-los a permanecer com o serviço, mesmo que tenha que pagar por isso após um curto período de teste ou com valor diferenciado.

Outra sugestão de promoções é oferecer benefícios e vantagens quando seu cliente for comprar hospedagens, por exemplo, no seu app. Neste caso é importante manter as informações de vendas atualizadas, para o consumidor não se sentir lesado.

Analise a concorrência

É imprescindível que você analise os aplicativos concorrentes para saber, com mais clareza, qual a melhor ação a ser tomada e, também, quais estratégias podem ser usadas ao seu favor.

Na grande maioria dos casos, seu concorrente te impede de cometer alguns erros, uma vez que o público é o mesmo e, sendo assim, você consegue analisar a aceitação das pessoas ao que a outra empresa está oferecendo.

Funções diferenciadas

Crie funções que, mesmo que não sejam fundamentais, dê a ideia de que o usuário precise daquilo. Por exemplo, uma de controle de gastos durante a viagem ou então quais as roupas ideais para levar na bagagem de acordo com as atividades previstas.

Mesmo não sendo ferramentas realmente úteis, dão a ideia de facilidade que, no planejamento da viagem, parecerão necessárias. Esse diferencial pode ser o toque especial no momento de por em prática o ASO do seu serviço, dando destaque à essa função na descrição do produto.

Conte com o RankMyAPP para se destacar!

Vimos que sim, é possível continuar bombando em um segmento tão disputado como o de aplicativos de viagem, mesmo após a chegada do Google Travel. Porém, para que a sua estratégia seja assertiva, conte com uma empresa especialista.

Com o RankMyAPP as chances de você se destacar, principalmente durante a alta temporada, crescem! Converse com nossos especialistas e escolha uma empresa referência no assunto para estar ao seu lado.