fbpx

Teste A/B: tudo que você precisa saber e nunca te falaram

Esta postagem foi publicada em 8 de fevereiro de 2019.

Sem tempo para ler o artigo inteiro? Aperte o play e ouça a versão em áudio.

Para você que já tem um aplicativo e estuda as melhores estratégias de mobile marketing para aplicar nele, a expressão “teste A/B” provavelmente já foi ouvida e pesquisada diversas vezes, certo?

Não precisamos nem explicar o que é e como funciona, mas temos certeza que muitos detalhes que são importantes para você desenvolver um teste certeiro para o seu app passaram batidos. Vamos falar um pouco deles neste artigo. Boa leitura!

Planejamento é tudo

Planejar como serão os testes em seu aplicativo é fundamental para que deem certo. Dizemos isso porque muitas vezes não faz sentido testar algumas coisas dependendo do aplicativo.

Por exemplo, existem apps que precisam de teste até para a cor usada em determinado lugar ou o tamanho do texto usado em alguma parte da descrição. Para outros, testar isso pode ser perca de tempo, enquanto outros elementos precisam ser aprimorados.

teste-ab-mobile
teste-ab-mobile

Então, estude o que o seu app realmente precisa e em que partes um teste A/B merece atenção. Mas de qualquer forma, eles são importantes. A prova disso foi o que o Instagram fez esses dias na sua rede social.

Para alguns usuários que receberam a atualização — que na verdade era um teste A/B — o app ficou completamente diferentes. A disposição das fotos estavam com outro formato, sendo apresentadas horizontalmente entre outras modificações.

Logo que alguns usuários estavam usando a versão teste, começaram as indagações na internet do porque a rede social estar assim. Uns não receberam a atualização e não sabiam do que se tratava, outros disseram que depois de um tempo ela voltou ao normal.

Esse foi no mínimo um exemplo para mostrar que a mudança não foi tão boa assim e não agradou o público. Inicialmente, o ideal é fazer alterações sutis e ir entendendo o que agrada ou não o público.

Tenha paciência com os testes

Se até o Instagram que é um dos aplicativos mais famosos do mundo errou no teste A/B e não teve aprovação do público, quem dirá os apps que ainda estão começando e que não estão consolidados no mercado.

Muitos testes de marketing são um investimento a longo prazo. É claro que queremos resultados instantâneos, mas alguns podem sinalizar que aquela versão não é adequada e pode ser demorado até encontrar a melhor versão do seu app para as app stores.

Foco no cliente

Você sabe exatamente o que o cliente quer do seu app? É extremamente importante deixar claro o que é o seu produto e para que ele serve. Além disso, especificar o seu público-alvo e direcioná-lo. Por exemplo, quando um usuário entra no app do Airbnb, ele sabe o que quer: alugar um lugar por determinado tempo.

Da mesma forma que quando você entra no app o iFood é para pedir comida. Então, é importante saber porque seus usuários estão procurando o seu app e eles saberem para o que seu app serve.

Essa objetividade te ajudará muito na hora de montar os testes A/B, pois você já conhece seu cliente, suas necessidades e o que ele precisa. Fica mais fácil definir as prioridades e o que é mais importante para ter mais destaque.

Experiência do usuário

E tudo isso serve para melhorar a experiência do usuário, um dos pontos mais importantes para se ter o aplicativo. Um app não é nada se o seu cliente tiver uma experiência ruim.

Os testes A/B são uma ótima sinalização para entender o porque um usuário não fez o download do seu app. O que falta ali — ou tem demais — que não o agradou? A página do aplicativo é a primeira impressão da pessoa e é aí que começa a sua experiência.

Tenha em mente que todos os elementos devem estar otimizados e agradáveis ao usuário, além disso, não se esqueça de deixar o ASO redondinho, só assim o app será encontrado nas lojas.

Se você quer estar mais conectado ao mundo do mobile marketing e iniciar estratégias com mais técnicas e inteligência, fale com um de nossos especialistas e melhore a aquisição de usuários do seu app!

: