fbpx

Apps de finanças estão ganhando o mercado mobile

Postado em 16 de março de 2020.

82{icon} {views}

É comum encontrar usuários de smartphones com ao menos um app de finanças em seu aparelho. Seja internet banking ou um organizador de gastos, o brasileiro se mostra cada vez mais aberto às plataformas desse segmento, conforme aponta estudo desenvolvido pelo RankMyAPP.

A pesquisa analisou os dados de visitas e instalações de aplicativos da categoria de finanças, da Google Play Store e App Store entre 2018 e 2019. A coleta considerou mais +200M de visitantes e +48M instalações para elaboração do report, que será lançado no final de março.

Tais informações demonstram a maior adesão às plataformas de finanças, que chegaram tímidas no Brasil; sofrendo com a desconfiança dos mais conservadores e, nos dias atuais, se mostram cada vez mais presentes no dia a dia dos brasileiros.

O aumento de número de usuários

A possibilidade de fazer transferência de valores a qualquer momento, poder consultar seu saldo bancário de qualquer lugar ou, ainda, ter uma planilha de gastos completa na palma de sua mão são fatores que chamam a atenção de cada vez mais usuários mobile.

Para atender às mais variadas necessidades financeiras, surgiram plataformas que vão além do mobile banking. Atualmente, encontramos aplicativos de controle de gastos, investimentos, fintechs e demais soluções financeiras.

De acordo com o estudo produzido pelo RankMyAPP, houve um aumento de mais de 250% nas visitas a esses aplicativos, e mais de 150% nas instalações, em um comparativo entre os anos de 2018 e 2019, na Google Play Store e Apple App Store.

Para facilitar o entendimento, foram criadas categorias para o estudo, onde:

  • Bancos digitais: englobam apps para transações de bancos virtuais;
  • Plataformas digitais: apesar de realizarem transações financeiras, não são bancos;
  • Soluções financeiras: tokens, sistemas para gestão de finanças pessoais e afins,
  • Investimentos: corretoras de investimentos.

Entre os apps de finanças mais baixados, dentro desse mesmo período, estão os de bancos digitais (44,27%) e soluções financeiras (29,97%). Ainda que com porcentagens tímidas, os aplicativos de investimentos mostram que também estão ganhando seu espaço no mercado, mesmo com seus 1,26% de downloads.

O boom das Fintechs

Enquanto há alguns anos um grande número de pessoas tinha receio de acessar seus dados bancários pelo celular, atualmente essa realidade é composta por outro cenário. O número de aplicativos de fintechs está crescendo cada vez mais e rapidamente.

O estudo ainda aponta que houve um aumento de 57% no número de instalações de aplicativos de bancos digitais, comparando os períodos de 2018 e 2019. No primeiro, foram cerca de 22% dos downloads totais da categoria de finanças, nas duas lojas, enquanto no segundo período, a porcentagem aumentou para aproximadamente 75%.

Em 2018, 21,7% dos downloads dos bancos digitais foram realizados pela Google Play Store, enquanto sua principal concorrente, a Apple App Store, acumulou um montante de 26,73% dos descarregamentos. Já em 2019, esses números mudaram para 78,29% e 73,2%, respectivamente.

Razões para investir em um app de finanças

Tais números mostram como os aplicativos de finanças estão ganhando o mercado mobile. Considerando esses valores, além do maior consumo de apps de planejamento financeiro, é notável o maior interesse dos brasileiros na educação financeira e, consequentemente, sua busca por plataformas desse segmento.

O estudo divulgado pelo RankMyAPP é uma mostra de que o segmento tende a crescer cada vez mais. Agora, o desafio é destacar a sua plataforma e fazer com que ela seja a escolhida entre todas as opções disponíveis no mercado. Para isso, recomendamos o e-book Apps de Finanças – Guia para criar e impulsionar o seu.

Conte com a ajuda de um especialista

Unindo a expertise de nossos especialistas, com nosso trabalho de inteligência de marketing, o RankMyAPP pode ajudar você, que deseja destacar seu app de finanças nas principais lojas de aplicativos e, ainda, ter uma visão mais ampla do mercado mobile.


Posts Relacionados

Related Posts

Artículos Relacionados