Como usar o autocomplete da Play Store a favor do seu app?

O sonho de qualquer aplicativo é ter um bom posicionamento e estar a frente nas buscas das app stores. Mas, é claro que todos esses benefícios só são alcançados com muito trabalho de ASO para fazer a otimização do app.

E um dos recursos que podem ser usados para dar mais destaque ao aplicativo na Play Store é o Google Suggest. Esse simples detalhe pode aumentar as taxas de conversão e dar mais visibilidade ao app.

O que é Google Suggest?

Quando procuramos por alguma coisa no Google, a partir da primeira palavra ou iniciais que escrevemos já é possível ter algumas sugestões que vão de encontro com o que estamos tentando pesquisar.

Então, o Google Suggest para aplicativos funciona da mesma forma na Play Store: quando um usuário começa a digitar o nome de algum app, antes mesmo de pesquisar, ele já aparece nas sugestões de busca.

Por isso, é importante estar atento à otimização do aplicativo para sempre que o app for pesquisado, automaticamente, ele será um dos primeiros nos resultados de sugestão de pesquisa e também do ranking.

Palavras-chave

Uma das etapas cruciais no processo de App Store Optimization é a escolha das palavras-chave. Mas, errar na escolha ou ter dificuldade, inicialmente, é normal. Por isso, é importante investigar quais palavras são mais concorridas e quais encaixam com o seu produto.

O lado bom é que uma palavra-chave bem escolhida e adicionada ao título do app pode fazer com que a ferramenta Google Suggest faça todo o trabalho de busca.

Por exemplo, o Spotify, por mais conhecido que seja, usa a palavra-chave “music” no título. Então, quando um usuário digitar “music”, potencialmente nas sugestões o Spotify já estará lá.

E esse preenchimento automático também pode te ajudar a fazer a manutenção do ASO, já que você mesmo pode pesquisar os apps concorrentes e observar quais palavras-chave estão sendo usadas só usando o Google Suggest.

Classifique a concorrência

Já que falamos nas palavras-chave, saiba que também é possível analisar quem é a sua concorrência com as sugestões nos mecanismos de busca.

A partir do autocomplemento do Google, você consegue listar quem são os seus principais concorrentes, jogando as palavras-chave relacionadas que o seu próprio app usa e até mesmo as relacionadas.

Uma das partes de estratégias de ASO é a inteligência competitiva. E esse tipo de informação pode te ajudar a classificar quem são seus concorrentes diretos e indiretos.

De acordo com a frequência e ranking de sugestão que os outros app aparecem, é possível definir o grau de competitividade.

Título do app

O preenchimento automático do Google Suggest pode também te ajudar a redefinir o título do seu app para ele ter mais prioridade na pesquisa. Mesmo com algumas palavras tendo alto volume de busca, vale a pena considerá-las para o título.

As ideias para redefinir o título surgem da mesma forma para descobrir novas palavras-chave para o app. Por exemplo, para um app de mensagem, vale a pena testar algumas buscas.

Você pode tentar “mensagem de texto”, “mensagem”, “aplicativo de mensagem de texto”, etc. A partir daí, é só analisar quais tem mais competitividade e maior volume de busca, para adicionar ao título.

Agora que você já sabe como usufruir do Google Suggest, só falta ficar esperto com as mudanças do ASO para não perder os seus resultados. Quer ajuda nessa? Fale com um dos especialistas em app marketing do RankMyApp!

 

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *