fbpx

Google I/O: novas atualizações do android O

Esta postagem foi publicada em 6 de março de 2018.

Android O. Esse é o novo sistema operacional móvel do Google. Pode ser que esse não seja nome definitivo e mas será, pelo menos, até o lançamento oficial no final de 2017. Também foi uma das maiores novidades do Google I/O 2017, a conferência oficial da Google para apresentar seus novos produtos e avanços.

A versão O é a oitava do Android. Mesmo que algumas atualizações tenham sido adiantadas na prévia do evento para desenvolvedores em março, o Google não poupou esforços em impressionar os presentes (e o mundo).

Como o Google é o Google, é vital conhecer as tecnologias que a empresa está investindo nos próximos anos. E como estamos sempre atrás do que existe de mais novo no mobile, não poderíamos deixar de fazer um post sobre isso.

Confira as principais novidades do Android O!

Tudo sobre o Android O: a mais nova versão do sistema operacional

Mesmo instável,  o Android O Beta já está disponível para download. Caso você realmente queira testá-lo, a recomendação é que não instale no seu dispositivo principal. Lembre-se: É apenas um pré-lançamento e podem acontecer bugs e instabilidades.

Quem está no mundo mobile sabe que a maioria das atualizações do Android envolve, em sua maioria, apenas ajustes para um melhor desempenho. Nessa nova versão, uma das formas mais fáceis de ver essas alterações, é na configuração do app (totalmente reformulado).

A nova versão do Android tem menos opções consideradas de alto nível (que incrementem a navegabilidade), no entanto, as interfaces foram ajustadas para melhorar alguns pontos-chave, como o consumo de bateria. Essas foram tentativas sinceras do Google de diminuir as críticas de que o Android é pouco intuitivo e mais difícil de navegar do que outros sistemas operacionais.

Mais alterações do Android O anunciadas no Google i/o

Adição do modo picture in picture (PIP)

Uma das principais atualizações do Android O  foi a adição do modo picture-in-picture (PIP) , que permite que o usuário veja um vídeo no canto da tela enquanto outro roda, simultaneamente. Agora, quem tiver o sistema atualizado pode escrever um e-mail e ver um conteúdo do YouTube no canto da tela, por exemplo.

Essa funcionalidade já existe em alguns aparelhos Samsung (como as versões Galaxys mais recentes), com a diferença principal de que os usuários podem mexer no tamanho da janela – como fariam em um desktop comum.

Canais de notificação

Agora, ficou mais fácil organizar as notificações de um determinado tipo. Sabe as mensagens de cinco em cinco minutos sobre o que está acontecendo na sua conta do GMail? Com  nova funcionalidade dos canais de notificação, você pode agrupá-las para que cheguem todas de uma só vez. Ou configurar para receber notificações sobre os assuntos do seu interesse.

Limites de execução em segundo plano

Essa atualização basicamente limita o que os aplicativos podem fazer em segundo plano com o intuito de economizar a bateria do dispositivo. O Google já tinha ajustado alguns desses limites no Android N mas, agora, a empresa foi um pouco mais além, prolongando a duração da bateria dos smartphones Androids.

A ideia é fazer que os celulares com o sistema operacional do Google sejam mais ágeis e fáceis de personalizar.

Outras atualizações interessantes incluem

ícones adaptativos (o sistema operacional será mais uniforme nos dispositivos), WiFi Aware (permite transferir arquivos sem conexão com a internet) e o Autofills APIs (possibilita digitar rapidamente informações como endereços e números de telefone).

Android O: Mais seguro e mais acessível

android-o-developer-preview-google-io

Além disso, o Google anunciou o Google Play Protect, um serviço disponível em todo dispositivo Android O desde fábrica. É um programa que escaneia o dispositivo regularmente assim como os aplicativos instalados protegendo-o de malwares, por exemplo.

Um dos planos do Google também é fazer o Android O funcionar em telefones com configurações menores. Ou seja, a empresa vai cortar alguns dos processos que mais exigem dos processadores, como as animações, por exemplo. O objetivo é literalmente acessar milhões de usuários. Não é a toa que o projeto chama  Building For Billions.

Para finalizar, a última novidade lançada foi o Google Assistant, basicamente o concorrente da Siri (conhecida dos usuários do iOS). O app também está disponível para download gratuito e vai ganhar várias melhorias.

O Google i/o 2017 trouxe várias novidades, principalmente, em termos de inteligência artificial. Além do Android O, o evento discutiu os avanços em apresentou as tecnologias RankBrainTensorFlow e o Google Lens. 

Mesmo que para alguns, o evento não tenha sido muito agitado, em comparação ao ano passado onde foi apresentado o Android N, com certeza,o Google i/o 2017 cumpriu seu papel de apontar algumas das principais tendências do que a empresa acredita ser o futuro. E nós, do RankMyApp, cumprimos aqui o papel de compartilhar com vocês!

E essas foram as novidades do Google i/o 2017. O que achou das atualizações? Compartilhe conosco a sua opinião!!