-->

Novidades e tendências sobre tecnologia e aplicativos

Mobile Marketing

O que fazer quando o app apresenta falhas continuamente?

11 de dezembro de 2020

É normal um aplicativo manifestar alguns erros vez ou outra, mas, quando seu app apresenta falhas continuamente, então, você tem um problema grave, que deve ser solucionado o mais rápido possível. Caso contrário, haverá perdas consideráveis de usuários.

Mas quais são as principais causas de erros de aplicativos? E o que fazer quando o app apresenta falhas continuamente? Para te ajudar, o RankMyAPP preparou um conteúdo com algumas das principais causas de falhas em apps e como elas podem ser solucionadas. Confira a seguir.

Os problemas das falhas em apps

As falhas em apps são problemas comuns, mas que devem ser evitados a todo custo. Isso porque os usuários buscam aplicativos funcionais e que realmente ajudem em determinadas ações e tarefas cotidianas, seja para ler as notícias do dia, ou para uma transferência bancária.

Por isso, não custa nada ao usuário simplesmente desinstalar o app problemático e buscar outro, sobretudo levando em consideração a grande oferta de aplicativos do segmento em questão que oferecem as mesmas funções. Em outras palavras, erros constantes na aplicação móvel são sinônimo de perda de clientes.

Os erros mais comuns apresentados por aplicativos

Se o seu app apresenta falhas continuamente, é muito provável que uma delas esteja na lista de “erros mais comuns em aplicativos”. Por um lado, isso é bom, já que será mais fácil encontrar a forma de solucionar a questão.

Para te ajudar, separamos algumas das falhas mais comuns nos apps com problemas, junto da solução para essas questões. São elas:

Gerenciamento da memória RAM

O principal objetivo do aplicativo é ser o mais rápido possível, mas, em alguns casos, ele acaba exigindo muito da memória RAM para ter essa rapidez, o que faz com que ele acabe apresentando falhas.

Manter um aplicativo que consuma muito da memória RAM é arriscado, pois ele não conseguirá ser “o centro das atenções” em um smartphone. Sempre terá outros apps que também precisam da memória para serem executados.

app apresenta falhas continuamente

Então, para fazer com que seu app deixe de apresentar falhas continuamente, é válido recorrer a ferramentas de gerenciamento de memória. Nos aplicativos Android, a Google disponibiliza uma opção que permite a manipulação do uso de memória RAM.

Já para questões mais específicas, como as de o aplicativo precisar de mais megabytes para carregar imagens, é recomendável ajustar o app para que ele carregue apenas as partes necessárias dos arquivos por vez. Outra sugestão é redimensionar as imagens, para que elas fiquem mais leves e fáceis de serem carregadas.

Testes insuficientes

Com a quantidade de aparelhos que surgem constantemente no mundo, fica complicado para que os aplicativos sejam testados em smartphones reais. Por isso, é muito comum recorrer a emuladores no momento de analisar o desempenho e a funcionalidade do app.

Mas, infelizmente, essa prática não é tão assertiva quanto o esperado e, com isso, é comum que o app tenha falhas. Isso porque, dessa maneira, não é possível simular ações como baterias superaquecidas ou fracas, interrupções por chamas ou interações com a câmera dos aparelhos.

Mesmo com testes que não oferecem 100% de eficácia, é possível apostar em alguns que diminuem consideravelmente as chances de erro. Isso não quer dizer que o aplicativo que apresenta falhas constantemente deixará de ter problema de desempenho, e, sim, significa que os bugs serão em menor escala — o que é positivo.

Para isso, pode-se separar o teste em cinco etapas:

  • Criar uma tabela com o padrão de comportamento e o requisito do app, para que testes de funcionalidade sejam feitos;
  • Realizar um teste de experiência do usuário;
  • Corrigir os erros apresentados no teste de experiência do usuário e realizar um novo;
  • Fazer com que os testes sejam realizados por outras pessoas,
  • Receber o feedback das pessoas que testaram o app e realizar as correções e os ajustes necessários. Antes do
  • lançamento da aplicação móvel, fazer mais um teste de experiência do usuário.

Tempo de vida das APIs

A atualização da API é uma das razões pelas quais seu app apresenta falhas continuamente. Isso porque, em uma atualização, podem passar despercebidos alguns ajustes necessários e que acabam fazendo toda a diferença no desempenho do aplicativo após uma nova versão.

Nesse caso, inclusive, é válida a dica dada no ponto anterior. Com uma atualização de API, é necessário repetir todos os testes, como se o aplicativo fosse ser lançado pela primeira vez. Assim, há menos chances de apresentar uma experiência do usuário ruim para seus clientes.

Confira mais conteúdos com este em nosso blog

Agora que você conhece alguma das razões pelas quais um app apresenta falhas continuamente e como resolver essas questões, não deixe de conferir nossas outras publicações, assinando nossa newsletter. Assim, você tem mais chances de manter seu aplicativo longe de erros e o usuário, satisfeito.


Fique por dentro de todas as novidades

Quer saber o que mais podemos
oferecer para o seu APP?

Agende uma reunião